Chás Feitos De Ervas Naturais Possuem Propriedades Terapêuticas E São Nutritivos

O frio está chegando e não há nada melhor do que uma xícara de chá quentinho!

chás feitos de ervas naturais possuem propriedades terapêuticas e são nutritivos
Chás feitos de ervas naturais possuem propriedades terapêuticas e são nutritivos.

Além de nos aquecer e confortar, os chás feitos de ervas naturais possuem propriedades terapêuticas e são nutritivos. Mas para aproveitar as propriedades medicinais dos chás é necessário prepará-los da forma correta, pois cada tipo de planta ou parte utilizada é feita de forma diferente para extrairmos corretamente seus princípios ativos, que são as substâncias que agem em nosso organismo com ações terapêuticas. As plantas mais delicadas e aromáticas não podem ser fervidas junto com a água, já as mais grosseiras e rígidas devem ser fervidas. Devemos também ter outros cuidados, como usar utensílios que não prejudiquem ou alterem a qualidade do seu chá e fazer na dosagem correta, para que o chá traga apenas benefícios para sua saúde! Pensando nisso, preparei um passo a passo de como preparar os chás corretamente, mantendo seus benefícios e propriedades medicinais, além de sabor e aroma!

os chás feitos de ervas naturais possuem propriedades terapêuticas e são nutritivos.

Preparo do chá por infusão

Esse método é utilizado para fazer o chá de partes vegetais mais delicadas como folhas, flores, inflorescências e alguns frutos, ou de plantas que contenham substâncias aromáticas que volatilizam rapidamente ao aquecer, conhecidos como óleos essenciais.  Exemplos de plantas para fazer através da infusão: Camomila, Calêndula, Hortelã, Melissa.

Como devemos fazer:

  • Jogar a água potável fervente sobre a erva em uma xícara ou recipiente de vidro, cerâmica ou inox, pois utensílios de alumínio ou ferro alteram as propriedades dos chás. Em seguida, tampe o recipiente por aproximadamente 5 minutos, coe e tome em seguida.
  • Nesse tipo de preparo não se deve ferver a água juntamente com as plantas, pois os óleos essenciais e os princípios ativos podem evaporar ou serem alterados com o calor, perdendo o sabor e a ação medicinal.

Preparo do chá por decocção

Esse outro método é indicado para fazer o chá de partes vegetais mais rígidas como cascas, raízes, rizomas, caules, sementes, alguns frutos, flores e folhas rígidas e grossas. Exemplos: Guaco (fresco), Gengibre, Capim limão (fresco), Canela.

Como devemos fazer:

  • Deve-se ferver a planta junto com a água de 5 a 10 minutos dependendo se a planta é mais ou menos rígida, desligue o fogo e, em seguida, tampe o recipiente por aproximadamente 5 minutos, coe e tome em seguida.
  • Nesse caso a planta é fervida junto com a água para facilitar a extração do princípio ativo.

Dicas e Cuidados

Dosagem segura para o chá medicinal

Emprega-se 1 colher de sobremesa de planta fresca ou 1 colher de chá de planta seca para 1 xícara pequena de água (aproximadamente 150 ml.

Usamos uma maior quantidade da planta fresca do que da seca, pois tem água em sua composição sendo assim ela é menos concentrada que a seca em relação ao seu princípio ativo.

Para o preparo dos chás, o ideal é usar utensílios de ágata, vidro, cerâmica ou inox, pois não alteram as propriedades medicinais (o princípio ativo). Evite usar utensílios de ferro, alumínio, teflon e madeira;

O chá medicinal não deve ser adoçado, pois o açúcar altera as propriedades medicinais da planta, mas em algumas situações pode-se acrescentar uma colher pequena de mel, como em chás para gripe, resfriado e tosse, pois a propriedade do mel irá complementar o efeito;

O chá deve ser consumido logo após o preparo, não deve ser guardado para depois, mesmo que na geladeira, porque pode iniciar o processo de fermentação, pode ser contaminado por fungos e bactérias, além de perder as propriedades medicinais e o aroma;

Aproveite também os chás para criar um momento de auto cuidado, já que além de ser ingerido eles podem se utilizados externamente em banhos, bochechos, gargarejos, compressas e até como tônico e hidratante para a pele, claro que dependendo da sua necessidade e da planta que você vai escolher, por exemplo o chá de calêndula é um ótimo tônico para peles oleosas e acneicas, além de ser um poderoso cicatrizante e antisséptico para ferimentos;

Antes de fazer qualquer chá certifique-se de que o uso da planta escolhida é seguro, de que é realmente a planta que você está buscando (porque existem plantas com nomes populares iguais ou que são iguais fisicamente e que podem ser prejudiciais a saúde), qual a procedência da planta, se é realmente indicada para o que você precisa e qual a melhor forma de preparo.

No site da ANVISA existe uma tabela de plantas medicinais disponível para download, com informações sobre todas as plantas seguras de se usar (plantas que já foram estudadas), com a melhor forma de uso, a dosagem segura, as contraindicações e as referências da pesquisa. Clique aqui e acesse.

Cada hora tem seu chá

  • Ao levantar-se: prefira os tônicos e estimulantes, logo podemos tomar chá de alecrim, canela, gengibre. Sempre observando se existe contraindicação de acordo com a sua condição física, por exemplo, os chás estimulantes são contraindicados para hipertensos.
  • Após o almoço: são indicados os digestivos como erva-doce, hortelã, cidreira e boldo.
  • A tarde: prefira os menos calmantes como: hortelã, canela, gengibre e erva-doce.
  • Após jantar: para uma boa noite de sono, são indicados os calmantes e relaxantes: capim limão, melissa, camomila, calêndula.

Agora aproveite as dicas e faça um chá quentinho e cheio de benefícios para se aquecer!

 E se você gostou, compartilhe com os amigos e familiares para que todos aprendam e se beneficiem com uso das plantas medicinais, já que vivemos em um país riquíssimo em biodiversidade vegetal que pode ser usada como alimento e remédio, promovendo maior reconexão com o meio ambiente em que vivemos, além de saúde e qualidade de vida!  

As plantas medicinais te encantam e você gostaria de aprender a usá-las de forma caseira e segura? Então entre em contato e saiba quando será meu próximo curso. Acompanhe também minhas redes sociais: @natupoint

Gratidão e até a próxima!

Clara Quinto

Atitudes e Pensamentos para a Reconexão com a Natureza

Marcado com , , , , ,

Sou muito grata por seu comentário, é importante pra mim.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: