Whey Protein o que é e quem pode usar?

Whey Protein, aposto que você já ouviu falar, mas você sabe realmente o que é, para que serve o Whey Protein, e principalmente quem pode consumir?

Pois bem, vamos desmistificar esse assunto, falando de forma simples e objetiva:

Whey Protein é a proteína do soro do leite, ela é a parte mais nobre do leite e a melhor fonte de proteína que podemos consumir.

Quando falamos em proteína do soro do leite, na verdade estamos nos referindo a uma uma mistura de algumas proteínas naturalmente encontradas neste alimento. É a parte mais nobre do leite, pois é considerada superior às demais fontes proteicas como peixe, soja, carne e ovos. Portanto, é fundamental agrega-la a alimentação de qualquer indivíduo que busque um estilo de vida saudável.

Calma, não vai sair agora e ir tomando todo o leite que encontrar pela frente, não é assim que funciona, os valores individuais dessa proteína encontrada naturalmente no leite não são suficientes para nos beneficiarmos desta nobre capacidade. É preciso consumi-la por meio de suplementos alimentares, geralmente comercializados sob a forma de pó conhecido universalmente por Whey Protein.

Você que me acompanha, deve estar se perguntando: “Maria, você adepta de uma alimentação saudável e natural está fazendo apologia a um produto industrializado? “

Mas é que, especialmente no caso deste produto, o processo industrial nos garante algumas vantagens, como por exemplo, a eliminação de impurezas e do colesterol presente no leite, a segurança alimentar, uma melhor biodisponibilidade (que significa maior absorção e utilização pelo nosso organismo) das proteínas e dos nutrientes.

Importância das proteínas:

As proteínas presentes em nossa dieta são responsáveis pelo fornecimento de aminoácidos ao nosso corpo, cuja finalidade principal é o anabolismo, ou seja crescimento, regeneração e manutenção dos tecidos e órgãos do organismo. Esses aminoácidos servirão, em especial, à construção e manutenção de músculos, pele, cabelo, unha, formação de enzimas e hormônios, anticorpos e também pela regulação de processos metabólicos. Portanto, devido à importância das proteínas para o bom funcionamento do nosso corpo, é fundamental a preocupação com a qualidade e quantidade de proteína nos alimentos.

As principais proteínas de alto valor biológico são de fonte animal, as mais comuns em nossa dieta são: carnes, ovos e laticínios; entretanto se ingerirmos grande quantidade desses alimentos estaremos ingerindo, além de proteína, altos níveis de gorduras saturadas e colesterol, o que não é favorável à nossa saúde. Por esse motivo, a adoção de suplementos alimentares podem nos auxiliar como é o caso do Whey Protein, que, como diz o nome, são suplementos e não podem e não devem substituir refeições principais. Devem ser nossos aliados para suprir o que, muitas vezes, não conseguimos apenas com o alimento.

O que é suplemento? Eu posso usar?

Suplemento não é alimento, mas também não é remédio, por isso atualmente não é necessária receita ou prescrição médica para compra-los. Crianças, idosos e até gestantes podem adquirir e fazer uso com o propósito específico de suplementar, entrando na dieta como aliado para suprir de maneira mais rápida os níveis de nutrientes que o corpo precisa repor em períodos específicos. Importante frisar que o suplemento sozinho não substitui as principais refeições.

As proteínas do soro do leite são extraídas daquela parte líquida gerada durante o processo da fabricação do queijo, a parte que coagula é a caseína, a essa parte líquida é o soro. Durante o processamento do soro, a gordura e a lactose são filtradas e separadas, assim temos uma proteína mais concentrada, com menos carboidratos e menor teor de gordura.

Qualquer pessoa fisicamente ativa, que busque qualidade de vida, ou mesmo prevenir e controlar alguma doença, pode recorrer aos benefícios atrelados a essa fonte proteica universal chamada de Whey Protein. 

Tipos de Whey Protein:

Existem diversas versões de Whey Protein, a concentrada, a isolada e a hidrolisada, e o que difere de uma para outra é o teor de pureza, que pode variar de 35% a 95% e o restante é gordura e carboidrato, sim a diferença é grande, por isso é preciso, conhecer as diferenças, e estar atento aos tipos e marcas.

Para uma concentração maior de proteínas, são necessários processos de micro filtragem, o que demanda um custo mais elevado. Quanto mais pura a proteína, maior o seu valor biológico, maior a sua biodisponibilidade o que a torna um produto digno de ser associado à uma alimentação saudável e funcional.

Principais diferenças entre as várias versões:

WHEY PROTEIN CONCENTRADO: minimamente processado, forma menos pura com mais carboidrato e gordura.

WHEY PROTEIN ISOLADO: maior tempo de filtragem ou tipos adicionais de processamento, maior concentração de proteínas, resquícios mínimos de gordura e carboidrato, consumível até por algumas pessoas com intolerância a lactose. Absorção mais rápida que a forma concentrada.

WHEY PROTEIN HIDROLISADO: É a mais altamente processada, a forma mais nobre e é produzida por meio de um processo de hidrólise no qual as cadeias longas da proteína são quebradas em fragmentos menores chamados peptídeos, ou seja ela já está pré-digerida, pronta para utilização do seu organismo, é de altíssimo valor biológico, será melhor e mais rapidamente absorvida pelo seu organismo. Quase 100% de aproveitamento, com quase zero de carboidratos e gorduras. Esse tipo é o mais caro, e o mais utilizados por atletas.

Caso tenham interesse em saber mais sobre o produto, deixo logo abaixo algumas fontes bibliográficas para consulta.

Aprenda comigo a fazer este delicioso muffin de chocolate com Whey Protein, a receita na íntegra está na descrição do vídeo.

Este post tem o objetivo único e exclusivo de informar. As informações contidas neste post são baseadas em pesquisas pessoais e em minha própria experiência de uso do produto em questão. Não pretendo com este texto substituir à consulta ao seu profissional de saúde, médico ou nutricionista. Lembrando sempre que diagnósticos e tratamentos de doenças devem ser feitos sob orientação de um profissional especializado.

Espero que tenha gostado, deixe seu comentário e se inscreva no Blog para ser avisado dos próximos posts. Um grande abraço e até a próxima.

@chefmariadias

Marcado com , , ,

Sou muito grata por seu comentário, é importante pra mim.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: