Um SIM pra mim! – Sinto, logo escrevo

Vou começar o texto contando quando e onde ele começou. Foi na sexta-feira, no ônibus, a caminho de Joinville.

Vou escrever no presente, apesar de saber que ele será publicado apenas no domingo. Eu estou indo passar a virada do ano em Benedito Novo, que é uma cidade bem pequena que fica em Santa Catarina. Vou ficar hospedada em uma pousada, que na verdade é uma fazenda, onde não tem sinal de celular/internet (obrigada senhor!), por esta razão, estou escrevendo o último texto do ano da estrada.

Vou deixar o contato da pousada, que se chama Campo do Zinco aqui embaixo. É a oitava vez que estou indo para lá. Eu sempre quis passar um Ano Novo no Zinco. Eu costumo falar que lá é meu lugar de paz, em meio a natureza eu consigo dar um “reset” pra mandar embora as experiências ruins e também consigo ampliar as boas. Já estou aqui sonhando com um banho de cachoeira e curtir um sol deitada na grama! Mas eu ainda não vivi este final de semana, então deixarei para falar dele no próximo texto.

Agora eu quero falar de uma palavrinha bem pequena, mas com uma força gigante, o SIM.

Hoje, antes de pegar o ônibus para Joinville, eu e minha amiga paramos em um barzinho para fazermos nosso último brinde de 2018.

Barzinho cheio, com música ao vivo, a banda estava tocando Tempos Modernos, do Lulu Santos. Eu parei para pensar em uma parte da música e em como ela daria uma baita inspiração para o meu texto!

“Eu vejo um novo começo de era

De gente fina, elegante e sincera

Com habilidade

Pra dizer mais SIM do que NÃO, não, não”

E ai eu já sabia sobre o que eu iria escrever! Então vamos lá!

Eu já contei aqui que meu ano foi diferente de tudo que eu imaginei e pensando bem, isso só foi possível porque eu dei muitos SIM!

Mudar de emprego? SIM!

Mudar de cidade? SIM!

Começar a fazer exercício? SIM!

Enfrentar meus medos? SIM!

Ouvir mais minha intuição? SIM!

Amar? SIM!

Voltar a morar com meus pais? SIM!

Participar de retiros de autoconhecimento (de silêncio, de meditação, de respiração e tudo que faz bem)? SIM!

Chorar? SIM!

Agradecer mesmo quando nada ia bem? SIM!!!!!!

Não vou seguir com a lista, o objetivo não é contar em detalhes minha vida, o que eu desejo é que você faça a sua própria lista e reflita o quanto você se permitiu!

Eu só darei NÃO daqui para frente para aquilo que eu não quero mais para a minha vida. Isso é um SIM para mim!

E por falar em SIM, essa semana uma amiga querida foi pedida em casamento em Paris. Me alegrei com o SIM dela através das fotos que ela publicou no Face.

As vezes o SIM é para um sonho, as vezes é tão somente para dar voz ao nosso querer mais íntimo, mas que muitas vezes, por querer agradar os outros mais que a nós mesmos, não damos.

Chego aqui, no fim do texto e no fim de 2018 com uma baita alegria em ter conseguido dizer muitos SIM para mim! Essa viagem talvez seja meu último SIM do ano, pois optei passar longe da minha família, para estar em contato com a natureza e com a paz que aquele lugar me proporciona! Depois do ano que eu tive, eu me presenteio com esse SIM!

Feliz Ano Novo! Desejo um 2019 com muitos SIM!

Pousada Campo do Zinco

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Pousada Campo do Zinco (@pousadacampodozinco) em

Marcado com , , , , , ,

Sou muito grata por seu comentário, é importante pra mim.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: