Autor: Fernanda Matos

Estou em processo de auto descoberta. Sinto que essa busca nunca terá fim. Neste processo passei a escrever e por generosidade da vida, minhas escritas passaram a tocar as pessoas. Sou formada em Jornalismo e faço diversos cursos de autoconhecimento, mas isso não importa, pois quando escrevo sou apenas uma pessoa que sente e quer compartilhar, por isso, todo domingo escrevo aqui no blog o meu: Sinto, Logo Escrevo.

Ta faltando humor – SINTO, LOGO ESCREVO

Logo de manhã me deparei com o texto da Lya Luft (inclui um trecho logo abaixo) que me fez refletir sobre como é simples ou pelo menos deveria ser simples rir, se divertir, ser feliz.

Continue a ler

E eu escrevo… -Sinto, logo escrevo

Eu sigo na minha busca pelo autoconhecimento. Como já disse aqui em outros textos, a escrita me ajuda neste caminho. Sinto que quando escrevo as palavras vão solidificando minhas descobertas sobre mim mesma. Nem sempre é fácil encarar estas descobertas, pois há sempre as crenças de uma vida inteira me convidando a ficar ali, no meu mundo já “conhecido”, é por isso que concordo totalmente com Clarice Lispector: As vezes escrever uma só linha basta para salvar o próprio coração.


Continue a ler

O silêncio da madrugada – Sinto, logo escrevo

A madrugada serve pra que? Se for para dormir, meu corpo não entendeu o recado esta noite. Eu acordei às 2:40 e já são quase 5 horas da manhã.
O curioso é que neste período acordada, uma amiga, que tem uma bebê de 2 meses em casa, me respondeu um WhatsApp enviado ontem, junto veio a foto da bebê sorrindo e eu pensei: esse sorriso deve compensar as noites em claro da mamãe.

Continue a ler

TPM – SINTO, LOGO ESCREVO

Tenho o compromisso comigo mesma de escrever todos os dias. A prática me ajuda no processo de encontrar o “meu jeito” de escrever. Mas tem dias que, como o de hoje, que eu não estou com vontade de escrever, pois só me vem à cabeça sentimentos chatinhos de processar, quem dirá de escrever e dividir […]

Continue a ler
uber gentileza

Gentileza gera gentileza – Sinto, logo escrevo

Hoje eu peguei um Uber e em 10 minutos de trajeto batemos um papo tão bom, mas tão bom, que no final do trajeto o motorista sorria, eu sorria e minha vontade era de sorrir para todos que cruzavam meu caminho!

Continue a ler

Qual é o seu aroma favorito? – Sinto, logo escrevo

Pão saído do forno, livro novo (AMO!!!), café fresco, terra molhada…
Qual é o seu aroma favorito?

Continue a ler
desconhecido - mistério

O desconhecido sempre me encantou – Sinto, logo escrevo

Quando tudo estava igual – lugares, pessoas, sentimentos – eu mudava. Sempre ouvi que era corajosa por ser assim. Mas já faz um tempo que eu tenho tido vontade de ficar.

Continue a ler
abraço coração

Sobre gente… – Sinto, logo escrevo

Existem momentos que só de lembrar, ficamos com um sorriso bobo, daqueles que entregam o que a gente sente.

Continue a ler
%d blogueiros gostam disto: