Amsterdam e Haia, cidades da Holanda, o pais das maravilhas – Parte 2

Postado por: Stephanie

Oi gente, aqui quem escreve é a Stephanie, e trago pra vocês a PARTE 2 do meu passeio de final de semana na Holanda, se você ainda não leu a PARTE 1, entra nesse link e confere lá antes de ler esse aqui 😉👍.  

Tínhamos acabado de fazer um roteiro de viagem de um dia em Amsterdam, e no final do dia pegamos a estrada uma hora da manhã em direção à Haia, que fica a 65 km de Amsterdam, e chegamos no nosso hotel as 2 da manha, íamos ficar em uma casa barco em Amsterdam antes, mas mudamos nossos planos, e resolvemos ir para Haia no mesmo dia.

Dias atrás , uma parte da Europa sofreu um dos piores fenômenos naturais já visto, uma onda de calor subiu da África , e nos fez ficarmos dias com um calor insuportável, chegando a 43 graus. Essa temperatura foi inédita em vários países da Europa, e eu querendo usar essa onda de calor ao meu favor, e aproveitar uma praia, sol, o mar… me hospedei em um hotel lindo de frente para o mar,mas quando acordamos no dia seguinte, me deparo com um dia incrivelmente nublado, como um típico dia de outono, com aquela garoa fina, que te molha sem que você veja a bendita.

Mas nem esse tempo maluco conseguiu desanimar os habitantes locais. inúmeras pessoas, com animais de estimação , bebês de colo, jovens e idosos, todos indo para a praia como se estivesse um sol de rachar, um dia perfeito para sair de casa. eu mesma se morasse lá , seria um dia perfeito para nem sair da cama.

O nosso hotel era muito bom, com uma ótima infraestrutura, aos pés da areia da praia, todos os quartos tinham vista para o mar.

 fotografia da fachada do hotel NH ATLANTIC DEN HAAG na Holanda
recepção do hotel  NH ATLANTIC DEN HAAG na Holanda

Limpo, organizado, um café-da-manhã completissimo, e todas as comodidades de um hotel 4 estrelas. Com um bônus de estar localizado ao lado de uma reserva natural e por isso pudemos ver lebres selvagens e corvos.

O nome do nosso hotel e NH ATLANTIC DEN HAAG e o valor da diária foi 250 euros para o casal.

Antes havíamos decidido alugar bicicletas, no nosso hotel mesmo, para pedalar por toda a orla. Mas como ficamos um pouco desanimados com o tempo, e por não poder entrar no mar, decidimos conhecer outros pontos turísticos de Haia. Existe a poucos quilômetros do hotel um local chamado MADURODAM, é basicamente a Holanda em miniatura, que mostram os campos de tulipas, os mercados dos queijos holandeses, uma fábrica de tamancos de madeira ,a fábrica de cerâmica azul, super tradicional, e os moinhos de vento….dá pra conhecer em pequena escala todas as atrações do país , e o ingresso para essa atração custa 20 euros. 

Seguindo caminho, fomos até a praia mais famosa, perto do Palacio da Paz, a praia DE PIER.

Quando chegamos,  havia show com música ao vivo, vários quiosques, alguns bem parecidos com os do Brasil, com aquele cheiro de camarão frito pelo ar. Inclusive tinha um enorme restaurante brasileiro chamado Rodízio, o nome já diz o que eles serviam neste restaurante né, o preço era o padrão entre os restaurantes vizinhos , entre 20 e 25 euros por pessoa, para comer à vontade.

E um grande shopping de frente para o mar, com várias lojinhas que vendiam de tudo, caso você se esquecesse  de levar o seu balde ou a sua pá de praia.

Dentro do shopping, e por toda a extensão de uma passarela suspensa por cima do mar, haviam atrações e atividades para toda a família . Para as crianças , haviam várias camas elásticas, ou dentro do shopping, ou na areia da praia. a cada passo, uma máquina de fliperama, campo de mini golf, boliche e etc. A arquitetura se mesclava entre o moderno e a sucata, dando um ar futurista no caos. Muitas lojas, restaurantes, bares, misturados com atrações para os jovens, mesa de bilhar, sendo disputada pelos pequeninos, pimball , estantes de livros com puffs, para sentar ler, e se gostar, levar pra casa de graça o livro , basta você saber ler em holandês, e muitos jogos eletrônicos . tudo isso com uma vista panorâmica do mar.

Entre taaaantas atrações, preferimos sentar um pouco e apreciar, deixar o tempo passar, pois afinal, não tem nada mais gostoso do que você sentar, refletir e agradecer né

No final dessa passarela suspensa estava as maiores atrações do local, um restaurante, com a melhor vista para o mar, onde optamos por almoçar lá, com refeições a partir de 12 euros. Uma enorme torre, onde aconteciam os eventos radicais, os pulos  de BUNGY JUMP com a queda livre para o mar, o preço era de 90 euros por pessoa e a TIROLESA que descia até o começo da passarela, com o valor de 35 euros por pessoa e no meio, uma RODA-GIGANTE, chamada Skyview de Pier, igual a de Londres (London eye) mas em escala um pouco menor. o passeio custa 9 euros por pessoa. toda essa estrutura feita pela empresa COCA-COLA.

Inclusive, ela está investindo em várias outras atrações em volta, com um grande calçadão e no final um gigantesco Hard Rock Café , totalmente futuristico.

Skyview de Pier roda gigante na Holanda, parecida com a London Eye de Londres, mas menor
Skyview de Pier

Para mim, esse é o maior investimento que eu vi até agora em uma praia da Europa, e com certeza será uma das melhores atrações a se visitar.

O dia acabou com um lindo pôr do sol no horizonte do mar, e já com o coração apertado de ter que ir embora. Mas em breve voltaremos para fazer todos essas atividades, assim que o bebê nascer.

E você?! já foi para alguma cidade dos Paises Baixos? Me escreve aqui o que você achou desse artigo, e para ver todas as nossas fotos da Holanda e os outros lugares da Europa por onde eu passo, me segue no Instagram @vida__real , um grande abraço , até a próxima .

Marcado com , , , , , , ,

Sou muito grata por seu comentário, é importante pra mim.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: